VIVA

É um blog de conteúdo irônico-sarcástico-azedinho, porém, não menos engraçado.

Marcadores

Link us!





Add to Technorati Favorites

Pingar o BlogBlogs Divulgue o seu blog!

Seguidores

Bom de ler






É incrível como certos acontecimentos mudam nossa vida para sempre. Fico boba com isso, mudam os hábitos, a forma como pensamos, a percepção de mundo e mudam as pessoas que a gente quer ao nosso lado...


Digo isso porque desde o final da minha adolescência até os dias de hoje, muita coisa aconteceu na minha vida e esses acontecimentos me transformaram no que sou hoje. O mais estranho é que até eu me dar conta disso demorou, passei um tempo desligada do mundo e de mim, não sei se devido a velocidade que tudo aconteceu e o tempo entre um baque e outro que foi muito curto e eu não tive tempo de absorver e entender o que se passou.

Quando eu estava na metade da minha primeira faculdade aconteceram umas coisas muito ruins comigo e por isso desliguei, passei da metade da faculdade até bem pouco tempo atrás em off. E até hoje não sei muito bem o que se deu em minha vida naquela época. Eu não tive a fase de indecisão, dúvidas e descobertas tão comuns a maioria. Estou passando por essa fase agora, aos 27 anos.

Já acho adolescência e início da vida adulta de uma pessoa fases complicadas demais, o sujeito tem que acompanhar todas as mudanças que ocorrem em sua vida e isso se dá numa velocidade absurda. Um dia você é criança, no outro é adolescente e começam a te cobrar milhões de coisas, até as perguntas feitas mudam drásticamente. Antes era “Fulaninho, o que você quer ser quando crescer?” e depois, “Porra moleque, já ta com dezesseis anos na cara e não sabe o que escolher no vestibular?”. O cara não sabe nem quem ele é direito, como vai saber qual curso superior escolher?
Junte a tudo isso tragédias familiares, nego surta!

Pois é, eu surtei! Depois do tempo em off acordei do meu “coma” existencial e surtei. E todas aquelas mudanças que deveriam ter ocorrido no final da minha adolescência, começaram a acontecer depois dos vinte e poucos anos, e pra mim está sendo muito diferente. Não tenho a pressão vinda de todos os lados e a pressa de crescer e de ser responsável, tenho tempo para pensar em quem eu sou ou em quem quero ser. O que quero dizer é que tudo o de ruim que aconteceu comigo láaaa nos 18 anos, contribuiu para que eu tivesse essa tranqüilidade para me redescobrir hoje.

E é isso que acho tão incrível é como dizem “Há males que vem para o bem”. É óbvio que se eu pudesse escolher não passaria por nenhuma experiência traumática, ninguém quer isso, mas a vida é assim. Já passei um tempo remoendo todos aqueles acontecimentos, mas chega uma hora que temos que aprender a conviver com nossos fantasmas e a única opção que encontrei foi tirar alguma coisa válida de tudo o que se passou.

Não sou especial, melhor nem pior do que ninguém, mas talvez se tivesse passado pelas experiências normais que todo jovem saudável tem, eu fosse como a maioria, mais uma entre milhões. Tem coisa mais monótona do que ser igual a todo mundo? E foi esse o meu superultramega prêmio por ter superado as adversidades, SER DIFERENTE e ter orgulho disso.

3 comentários

  1. Sam  
    Este comentário foi removido pelo autor.
  2. Priscila Ramos  

    para períodos de surtos: estamos presentes =)

  3. Sam  
    Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário

Nós apoiamos

  • Obviamente, este espaço é reservado aos homens que são casados. Aos que pensam em se casar, por favor, não leiam. Aqui trarei perspectivas e observações ...
    Há 7 anos

Também lemos

Pérolas do VIVA LLA's VEGAS

Com tanta merda que já ocorreu e como nós somos seres providos de humor negro, a seguir vai a lista de algumas pérolas dessas "LLAzices":

* Há coisas que só a Leucemia te proporciona. (óbvia essa)

* Viva LLA's Vegas! (LLA... Alô?)

* Labirinto da Dauno. (Daunorrubicina - Antibiótico muito tóxico de antraciclina aminoglicosídeo... Dããã);

* Você não chamou o Raul, o Raul que te chamou.(Fenômeno do vômito a jato);

* Vem cretina! (Vincristina - C46H56N4O10 - dããã²) ;

* Paraquentamal (Paracetamol);

* Dexter mete na zona (Dexametazona);

* Prendi, Prendinazona (Dexter não quis pagar);

* ATRAzildo, ATRAsado, ATRAvessado, ATRAcado, ATRApelado (eu inventei! *.* mwahaha)

* Metrô Texano (Metrotexato)...


And more to come. =)

Posts Recentes

Comentários recentes

Contador de visitas