VIVA

É um blog de conteúdo irônico-sarcástico-azedinho, porém, não menos engraçado.

Marcadores

Link us!





Add to Technorati Favorites

Pingar o BlogBlogs Divulgue o seu blog!

Seguidores

Bom de ler






Antes de tudo, quero deixar claro e óbvio que não sou uma pessoa 100% capitalista e 10000% materialista. Mas há coisas que me irritam e certamente essa modinha de ser "ecologicamente correto" vai começar a passar dos limites. Como eu li em diversos tópicos no orkut, muita gente acha um protesto válido (e eu também acho), mas o que você tem feito pelo Planeta? (Lembrando que já existiam relatórios a respeito das mudanças climáticas desde 1968. Lembram da ECO 92? E da ECO de 82? Agora todo mundo decidiu ser ecologicamente correto ou POP?)

Sabe, acho que de nada adianta apagar as luzes do Cristo Redentor, do Maracanã (algumas) enquanto há pessoas em pleno estado de miséria e nem com o mínimo de educação para saber o que é bom para ela e para o planeta. Aqui aonde eu moro - Pavuna, RJ - tem o rio do mesmo nome do bairro. Várias vezes esse rio transbordou e nele havia: sofás, resto de peixes, caixotes desses de frutas, muito lixo... Um rio que passa pela Fazenda Botafogo é imensamente largo e é imensamente poluído; acredita que teve um dia que eu vi um cavalo pastando dentro do rio? Acho contraditório isso de ser ecologicamente POP e depois jogar lixo na rua, jogar TV antiga no rio, jogar o lixo doméstico em algum canto de estrada. E tem também o desmatamento praticado pelas empresas e o povo que não sabe escolher os seus políticos - ou se escolhe, não faz o devido acompanhamento. Acho babaquice demais parar tudo por somente uma hora para depois dizer: "Dããããrr eu fiz a minha parte, e você? Como assim não participou da hora do planeta?! Você não pensa no seu futuro? No futuro dos seus filhooos??!?! Dãããr..."

Como eu havia dito, acho qualquer forma de protesto válida sim, mas não basta apenas protestar e tem de haver uma mudança no hábito das pessoas! Educação ambiental deveria ser disciplina à parte nas escolas e não só como um meio de "salvar o planeta" e sim para tornar o futuro cidadão consciente de que na natureza há ciclos!

Diminuir o consumismo também é outro fator importante, mas acho que aí começo a ser um pouco utópica...
Mais uma coisa: não vamos salvar o planeta, o planeta vai se salvar de nós. ;) (É sério isso. O que é o ser humano para a natureza? Sinceramente? PORRA NENHUMA! O mundo sempre foi mundo desde seu surgimento, não vai ser agora que seremos deuses para controlar tudo.)

Eu gosto muito desse pensamento do Mark Twain, e Stephen Jay Gould o utilizou em seus livros:

"Se a Torre Eiffel representasse a idade do mundo, a camada de tinta que recobre a saliência da parte mais elevada de seu topo representaria o período de tempo que corresponde à presença humana. Qualquer pessoa perceberia que a torre foi construída por causa da película de tinta. Eu acho que perceberia, não sei".

Abraços a todos e a bióloga por acidente aqui deseja um bom final de semana.

É, desde que tive que resolver umas pendências na faculdade que não consegui ter nenhuma inspiração pra textos interessantes para o nosso LLA's Vegas. Tenho saído, andado, corrido por aí; enfim, vivendo.
Durante esse tempo conheci pessoas muito legais e outras eu apenas tive a honra de poder REconhecê-las e aceitá-las tais como elas são. Isso é gratificante. A tolerância deveria ser pelo menos um dos principais objetivos da vida de uma pessoa. Ser tolerante consigo mesmo (eu sou meio durona até comigo mesma!) e com os outros é algo que traz resultados e dá uma maior leveza à vida. E não só ser tolerante às pessoas, mas o que também vem delas: ações, palavras, sentimentos, emoções... Parei de julgar para tentar entender mais, e o melhor: é que não espero resultado nem glória nenhuma por causa disso.

Caramba, isso fugiu à proposta do blog, não acham? Pois é, para evitar que eu fique "priscilosofando" por aqui, eu gostaria que perguntassem, sugerissem algum tema para ser debatido. Dúvidas - na medida do possível serão respondidas e nem eu e ninguém aqui no blog tem formação profissional para alguns tipos de dúvidas - , tipos de cuidados, entre outras coisas nós poderemos tentar ajudar sim; afinal, o conhecimento é algo que não deve ser acumulado e sim propagado.
_____________________________________

Por falar em conhecimento... Cultura é conhecimento e vice-versa. Venho através deste blog, expressar meu extremo desapontamento em relação à APCM (Associação Antipirataria de Cinema e Música) por forçar o fim da comunidade Discografias no Orkut. Aposto que a maioria das pessoas que baixavam pelos links lá postados, era tão somente para o uso pessoal e não com fins lucrativos em cima disso. Se assim fosse, lucro só pelo lucro, os caras do APCM iam enfrentar um problema bem maior que são os torrents da vida e programas P2P como o Emule, Shareaza, Soulseek e etc.
Desde que comecei a usar a internet (isso com 15-16 anos) que houve um tipo de luta contra a disseminação do mp3 e programas para compartilhá-los, tais como o saudoso Napster. Não me lembro bem o que ocorreu, mas pelo pouco que lembro o Napster passou a ser pago e um bocado de gente ficou sem ter como baixar músicas. Mas sabem como é você tentar prender a água com as mãos? Aperta aqui e vaza ali. Ditto. Não demorou muito surgiram diferentes programas P2P para substituir o Napster: Audio Galaxy, WinMX... Adiantou algo? Não. E hoje temos o mundo de informações livres, a internet é livre, e não vai ser um bando de manés de gravadoras com SEDE de dinheiro que vai impedir a população do livre download. Mais uma vez, me lembro dos saudosos anos 80, em que se comprava o vinil e gravava na fita K7 para dar a um amigo ou para ouvir em outro lugar. Isso poderia ser chamado de esboço de pirataria??

Eu não vou parar de baixar .mp3, .ogg, .wma ou o que quer que seja. Não dá é pra aturar um mercado que parece ainda viver na Idade das Trevas em relação à mídia musical.

Quando você pirateia mp3's, você está baixando COMUNISMO!! - Fala sério, americano PEIDA NA FARINHA pra comunista.

Pra mim APCM é coisa de brasileiro mesmo, mas muito recalcado, que gosta de babar o saco dos EUA que tem seus RIAA, MPAA e sei lá mais o quê. E burros também, porque haviam bandas independentes (sem terem gravado seus discos com qualquer gravadora) que disponibilizaram seus devidos trabalhos na internet e os mesmos foram deletados pela mui sapiente APCM por infringir à lei de direitos autorais... É mole isso?!
Bandas independentes: Processem. É direito de vocês, a música é de vocês e podem fazer o que quiser.

Chega, vou ouvir The Names.

Caixão do Bill Gates

A.B.SURDO
diz (23:33):
vou escrever no blog: NOTA DE FALECIMENTO hoje, dia 12 de março, faz 5 anos que a LLA pré B de Priscila Ramos começou a morrer
Samantha diz (23:34):
VIVAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!!!!! ahazou beim!!!! tem q comemorar e MUITO!!!
A.B.SURDO
diz (23:34):
ela bem que lutou para sua vitória, mas não resistiu à força superior e onipotente de Shiva
A.B.SURDO diz (23:35):
foi bombardeada por quimioterápicos intensos, muitas doses de mau humor e um estado mental de tranquilidade ela não resistiu e meses depois morreu. gostariamos de avisar aos demais parentes da LLA que NUNCA MAIS APAREÇAM EM CANTO NENHUM
A.B.SURDO diz (23:36):
E QUE SE APARECEREM, SAIBAM QUE EXISTIRÁ UM EXÉRCITO DE ALMAS FAMINTAS PARA DERROTAR VOCÊS e claro, a força do destruidor Shiva ahauhauhauahiuehaieuheiuhe
Samantha diz (23:37):
HAHAHHAHAHHAHAHAHHAHAHAHH HAHHAHAHHAHAA H AHAHHAHAHAHHAHHAHAH HAHAHAHHA escreve escreve escreve vai ficar legal
A.B.SURDO diz (23:38):
posso escrever mais assim:
A.B.SURDO diz (23:39):
e quem sobreviveu a vcs, não deixará isso barato. um verdadeiro Jihad iniciará e em um tempo nao mto distante as pessoas lembrarão de LLA e afins como se fossem meras gripes
A.B.SURDO diz (23:40):
SUAS DESGRAÇADAS VOCÊS NÃO SÃO NORMAIS! NEM PRA MIM NEM PRA NINGUEM! EU NÃO SINTO E NEM SENTIREI SUA FALTA!
A.B.SURDO diz (23:41):
mas posso afirmar que foi de extrema importancia em minha vida, agradeço por ter passado pelo meu caminho sem deixar sequelas mas que fique bem claro que não é pra voltar! aqui vc não tem as portas abertas! se dissipe! se manda! se mula!
Samantha diz (23:42):
HAHAHAHHA isso! AHAHHAHAHHAHAHA
A.B.SURDO diz (23:43):
sua mentirosa e descarada! e eu que pensei que teria de viver com você por um bom tempo!
A.B.SURDO diz (23:44):
eu posso viver bem comigo mesma e com meu cérebro! não preciso de inquilinos indulgentes e inoportunos como vc! o preço que pagamos por vc foi muito alto, anos, meses, horas de vida incontáveis com medo do futuro
A.B.SURDO diz (23:45):
e cá estou no futuro! redigindo essa carta in memoriam pra vc
Samantha diz (23:45):
(emoticon pulando com pompom)
ahazou amiga
A.B.SURDO diz (23:46):
pode ser que no futuro mais longíquo eu morra por algo bobo (tipo uma ervilha engasgada, aos 73 anos) MAS AQUI VC NAO TEM VEZ! EU DECIDI QUE PERDEREI PRA UMA ERVILHA BABACA, E NAO PRA VOCÊ!
______________________________________________________
Ervilha babaca... hehehe
Pois é, 5 anos se passaram e aqui estoy yo. Nem sei o que dizer então... É noix!

Hoje venho falar com vocês sobre um assunto bastante delicado, é tão complexo que não conseguia começar o texto: a perda da libido durante o tratamento quimioterápico. Vou falar só sobre neuras femininas por motivos óbvios.

Pergunto-me o tempo todo, o que está acontecendo comigo? Será que isso é normal?

É sim, é tudo muito normal. O tratamento de qualquer tipo de câncer é sempre muito complicado para qualquer pessoa, para as mulheres é um pouco mais do que para os homens. Ocorrem mudanças no nosso corpo, na aparência, tem o estresse do diagnóstico, falta de disposição causada pelo próprio tratamento, ocorrem mudanças hormonais e esse conjunto de fatores podem acabar atrapalhando os relacionamentos.

Muitas vezes não somos compreendidos, alguns chegam a dizer que é frescura, que é desculpa e isso aumenta ainda mais o sofrimento da pessoa em tratamento. Pode existir um sentimento de culpa ou de falha. Este sentimento de falha com o parceiro é devastador. Temos consciência do que está faltando no relacionamento, mas simplesmente não conseguimos suprir e isso dói, causa insegurança, medo de ser largada, traída, trocada; e não depende só da gente para mudar essa situação.
Eu sou um exemplo perfeito disso, tenho todos esses problemas; ora me sinto gorda, ora magra demais, é o cabelo que está começando a cair, indisposição, dor. Quem consegue sentir tesão sentindo dor? Acho que ninguém.

A melhor saída é o diálogo, e tentar não fazer disso um tabu. Tem que conversar muito, sempre, como diz o meu amor: ligar o falador. Conversar com a mãe, com o parceiro (a), com amiga, com o médico e assim tentar encontrar soluções para os problemas que vão surgindo.

Em determinadas fases do tratamento, o (a) companheiro (a) acaba se tornando mais amigo do que qualquer outra coisa. Logo, concluímos que também é dificílimo para quem está passando por este momento do nosso lado. De uma hora para a outra se vê em um relacionamento totalmente diferente com uma pessoa que parece ter sido abduzida, entrando e saindo do hospital o tempo todo, tomando medicações que deixa o outro totalmente estranho. Penso que se existem amor e compreensão o casal consegue passar por esse momento com alguns traumas, mas nada muito sério.

Tem que ter paciência e muita certeza do que sente pela pessoa que está ao seu lado. É natural que vez ou outra o parceiro canse, pois o tratamento é cansativo para o doente e para todos a sua volta, ninguém gosta de ver quem se ama sofrendo, sentindo dor, ficando diferente, meio distante e às vezes um pouco agressivo.

Eu queria na verdade escrever um texto informativo, mas acabou virando mais um desabafo. Não que vocês tenham alguma coisa a ver com a minha vida pessoal, mas acho legal falar sobre isso. Sei que muitas pessoas que lêem o blog devem passar pelo mesmo problema. Então abro o espaço para que quem tiver vontade fale sobre suas aflições, não precisa se identificar; podem postar nos comentários como anônimos e podemos juntos encontrar soluções para problemas que muitas vezes são simples. Afinal, duas cabeças pensam melhor do que uma, imaginem três, quatro, vinte?

Nós apoiamos

  • Obviamente, este espaço é reservado aos homens que são casados. Aos que pensam em se casar, por favor, não leiam. Aqui trarei perspectivas e observações ...
    Há 7 anos

Também lemos

Pérolas do VIVA LLA's VEGAS

Com tanta merda que já ocorreu e como nós somos seres providos de humor negro, a seguir vai a lista de algumas pérolas dessas "LLAzices":

* Há coisas que só a Leucemia te proporciona. (óbvia essa)

* Viva LLA's Vegas! (LLA... Alô?)

* Labirinto da Dauno. (Daunorrubicina - Antibiótico muito tóxico de antraciclina aminoglicosídeo... Dããã);

* Você não chamou o Raul, o Raul que te chamou.(Fenômeno do vômito a jato);

* Vem cretina! (Vincristina - C46H56N4O10 - dããã²) ;

* Paraquentamal (Paracetamol);

* Dexter mete na zona (Dexametazona);

* Prendi, Prendinazona (Dexter não quis pagar);

* ATRAzildo, ATRAsado, ATRAvessado, ATRAcado, ATRApelado (eu inventei! *.* mwahaha)

* Metrô Texano (Metrotexato)...


And more to come. =)

Posts Recentes

Comentários recentes

Contador de visitas